domingo, 26 de outubro de 2014

Luís Marques Mendes e o cenário de eleições antecipadas

Sempre que tenho possibilidade gosto de ver o comentário do Luís Marques Mendes no Jornal da Noite da SIC.
Por norma, muitas das suas afirmações/opiniões têm logo a seguir um impacto relevante nos vários órgãos de comunicação social, como foi ontem o caso ao falar da hipotética possibilidade de um cenário de eleições antecipadas. Segundo LMM basta que para isso os dois partidos do governo não cheguem a acordo quanto a continuidade da coligação nas próximas eleições legislativas.

Pois desta vez, eu não poderia discordar mais desta sua análise. Então, dois partidos não podem ter uma estratégia política diferente na abordagem das próximas eleições sem que isso implique uma ruptura e desentendimento na actual governação do país que atravessa tempos difíceis? Será que se justifica um cenário de eleições antecipadas e todo o clima de instabilidade que isso sempre acarreta só porque os dois partidos, que neste momento formam o governo, têm estratégias diferentes para o próximo ciclo de governação?
Sinceramente, parece-me uma atitude muito drástica. Se a legislatura actual não foi interrompida até agora por outros motivos e situações de maior stress e mal estar governamental que já aconteceram, seria agora quase na recta final que deveria ser interrompida?
Ou será que LMM está a tentar pressionar os dois partidos para um entendimento de continuidade da coligação para as próximas eleições?


Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...