terça-feira, 18 de março de 2014

Prioridades

Uma das principais regras de Gestão é a definição de prioridades.
Mas não é só na actividade profissional que esta regra deve ser tida em conta. Na nossa vida pessoal também. Nas nossas relações com os outros e claro está no amor. É através das prioridades de cada um que conseguimos ver o quão importante somos para a outra pessoa. Quando a balança das prioridades é demasiado desequilibrada no que diz respeito a importância que cada um assume na vida do outro, algo não está bem. E nessas alturas é melhor falarem sobre o assunto até porque se pode dar o caso que a outra pessoa não tenha plena consciência disso. Se ambos tiverem consciência e nada se alterar, a não ser que umas das pessoas não se importe de ser apenas uma opção, então o mais provável é a relação acabar por não resultar.

5 comentários :

  1. Pois, disseste tudo!
    E é demasiado óbvio! Afinal o difícil é atingir o que é ou não é prioridade! :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o que é prioridade para um pode não ser para o outro... ;)

      Eliminar
  2. Obviamente!

    Afinal o difícil é atingir o peso das prioridades!

    ResponderEliminar
  3. Ora aqui está uma grandessíssima verdade.
    Tive de aprender isto à porrada (comigo mesma), mas aprendi.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...